Omraam Mikhaël Aïvanhov

“Criar é a maior felicidade que um ser humano pode sentir Porquê? Porque, ao criar, ele aproxima-se da essência do próprio Deus.

Deus é o Criador, e o homem, que é feito à Sua imagem, também pode ser criador. Evidentemente, não se trata de comparar as criações humanas com a Criação divina, mas sim de pôr a tônica nesta verdade: a felicidade está na atividade criadora e, neste sentido, são os artistas que vivem as maiores felicidades. Vós direis: «E os místicos? E os homens de ciência?» Sim, na medida em que eles também podem ser criadores, sentem uma felicidade equivalente à dos artistas.

E não argumenteis que conhecestes artistas atormentados e muito infelizes. Ao referir a felicidade do artista, eu pretendo dizer que, no momento em que está a criar, no ato de criação, o artista vive na plenitude; e por ‘artista’ pode subentender-se também qualquer ser humano num processo de criação.”

Deixe um comentário


oito − 5 =