*fonte: OS ANJOS FALAM, Pierre Weil, Amyr Amidem, Roberto Crema e Jean-Yves Leloup – Pg. 48-49: Do claudicar à dança da paz. A experiência do Anjo é esse ferimento no interior de nós mesmos, essa dificuldade de integrar a luz com a matéria. Mas devemos lembrar-nos de algo: quando vemos alguém que manca, quando o [...]

De acordo com o ponto de vista esotérico, a música é o começo e o fim do universo. Todas as ações e movimentos feitos nos mundos visível e invisível são musicais. Isto é, eles são constituídos de vibrações pertencentes a um certo plano de existência. Em sânscrito, a música é chamada sangita, que significa três [...]

O texto abaixo é de Baruch Spinoza (1632-1677), filósofo holandês, de família tradicional judia, um dos grandes racionalistas do seu tempo, dentro da filosofia moderna. Consta que Albert Einstein, quando perguntado se acreditava em Deus, respondeu: “Acredito no Deus de Spinoza, que se revela por si mesmo na Harmonia de tudo o que existe, e [...]

ESCUTAR, INTERPRETAR, ABENÇOAR e SORRIR. Ser livre é ver o outro na inteireza que ele é. Cuidar do outro não é julgar nem catalogar. Temos que cuidar da nobreza no outro e não tratar a ‘doença’. O cuidar passa por quatro pontos: 1. Escutar: o infra-humano em nós (o mineral de nossos ossos, o vegetal [...]

A crise que testemunhamos é de demolição, lição do demo. Lição da fragmentação, do egocentrismo, da exclusão, da falta de escuta, da perda dos valores fundamentais da espécie. É também uma crise da crisálida, de transição, de espasmos de parto de uma nova consciência. Há motivos de sobra para as nossas lágrimas e, também, para [...]

Página 17 de 18« Primeira Página...10...1415161718